Orquestra baiana de jovens ingressará em turnê pela Europa

0
383

Uma orquestra baiana composta por mais de cem jovens músicos se prepara para uma longa turnê de duas semanas pela Europa. Os concertos serão realizados em três países diferentes, entre os dias 30 de agosto e 12 de setembro. Com idades entre os 14 e 29 anos, os integrantes da Orquestra Jovem se apresentarão para um exigente público com um repertório de grandes sucessos da história da música. A expectativa é grande, e a viagem da turma dos talentosos musicistas se inicia na sexta-feira (26) com viagem já marcada para o grupo.

 

A primeira apresentação será realizada na cidade de Montreaux, na Suiça. Após o concerto, o grupo encara uma viagem para a Itália, onde tocarão em cinco cidades diferentes (incluindo a capital Roma). Para encerrar, as apresentações terão fim na cidade de Paris, capital francesa e um dos berços da música orquestral no mundo.

 

A Orquestra será conduzida pelo maestro – e também pianista – Ricardo Castro. O maestro se mostra bastante animado com a sexta oportunidade de um intercâmbio tão rico para o os integrantes da Neojiba (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia) – programa social incentivado pelo Governo do Estado da Bahia.

 

Projeto Neojiba e o incentivo à cultura musical

 

A Orquestra Juvenil da Bahia é o principal projeto conduzido pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do estado. O objetivo principal do projeto que já conta com 9 anos em curso é integrar socialmente jovens das classes sociais mais baixas e utilizar a música com uma transformação social.

 

O projeto Neojiba conta com o benefício a 4,6 mil jovens em todo o estado da Bahia. São 11 núcleos distribuídos em 30 cidades diferentes, além da sede localizada na capital Salvador. O projeto é visto com excelentes olhos como forma de trazer crianças e adolescentes para integrar em sociedade através de uma mesma paixão: a música. Uma forma de transformar uma realidade difícil em um prazer artístico.

 

Os custos do intercâmbio para Europa foram custeados em parceria com os países que receberão a Orquestra Juvenil da Bahia. Ao todo serão 104 integrantes que cruzarão o Atlântico para provar o talento que o Brasil produz.

 

As informações são da Agência Brasil e divulgadas também pelo site oficial da Revista Istoé. A matéria completa contendo entrevista com o Maestro Ricardo Castro e demais informações sobre o Projeto Neojiba podem ser conferidas neste link. A imagem em destaque é de créditos do site oficial do Projeto Neojiba.

Artigo anteriorEditais e Projetos Culturais envolvendo música abertos em 2016
Próximo artigoCursos Online para Graduados em música

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here